ESPORTES

Paraná Clube perde do Botafogo e está eliminado da Copa do Brasil

Publicados

em

O Paraná Clube foi derrotado pelo Botafogo por 2 a 1 na noite desta quarta-feira (26) e foi eliminado da Copa do Brasil, por ter perdido o jogo de ida por 1 a 0 no Rio de Janeiro.

Marcelo Benevenuto e Danilo Barcelos marcaram para o Botafogo, enquanto Thales descontou para o Paraná Clube.

O duelo foi realizado na Vila Capanema, em Curitiba, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

O Botafogo aguarda o final dos jogos da terceira fase da Copa do Brasil para conhecer seu adversário na próxima fase, porque todos os confrontos serão definidos por sorteio.

A classificação para a quarta fase garante mais R$ 2 milhões aos cofres do Botafogo, sendo que a equipe carioca já embolsou R$ 3,9 milhões por ter avançado nas fases anteriores.

Mas Paraná Clube e Botafogo entram em campo neste sábado (29) pela sexta-rodada das Séries A e B do Campeonato Brasileiro.

O Botafogo recebe o Internacional no Engenhão, às 16h, enquanto o Paraná Clube viaja para Salvador, encarar o Vitória, às 16h30.

 

PARANÁ CLUBE CRIA CHANCES, MAS FALHOU NA BOLA PARADA

Paraná Clube perde do Botafogo e está eliminado da Copa do Brasil
Thales aproveitou bola rebatida na área para marcar o gol do Paraná Clube nesta quarta-feira. (Geraldo Bubniak/AGB)

O Paraná Clube iniciou melhor a partida e criou boa chance logo aos três minutos. Gabriel Pires arriscou chute da intermediária e Gatito Fernández caiu para fazer defesa sem rebote.

Leia Também:  Contra retorno das aulas presenciais, professores da rede estadual do Paraná aprovam greve

O Botafogo pediu um pênalti não marcado aos seis minutos. Kevin invadiu a área pela direita e após dividida com Juninho, cai no gramado. O árbitro Vinícius Furlan mandou o jogo seguir.

Andrey ficou perto de abrir o placar aos 23 minutos. O atacante disparou, invadiu a área, mas perdeu o equilíbrio e finalizou à direita da meta.

Gatito Fernández fez grande defesa aos 36 minutos. Andrey tabelou com Bruno Gomes e o atacante finalizou firme para o goleiro fazer bela defesa e evitar o segundo remate.

Já aos 46 minutos, Renan Bressan perdeu chance claríssima. Kanu errou o corte e o meia invadiu livre a área, mas bateu colocado perto do poste direito.

Só que foi o Botafogo quem abriu o placar. Aos quatro minutos do segundo tempo, Bruno Nazário cobrou escanteio na pequena área, Alisson não saiu do gol e Marcelo Benevuto escorou livre para o fundo das redes.

O Paraná Clube conseguiu empatar o jogo aos dez minutos. Bruno Gomes dividiu bola na entrada da área, Andrey chutou em cima de Bruno Nazário e a bola sobrou para Thales finalizar firme no canto esquerdo alto.

Leia Também:  Santos perde do The Strongest e se complica na Libertadores

O Botafogo quase matou o jogo aos 43 minutos. Novamente em escanteio de Bruno Nazário, Alisson ficou plantado na linha e Kanu cabeceou firme no poste direito. Fabrício ainda conseguiu fazer o corte em cima da linha.

Nos acréscimos, Matheus Babi foi calçado por Juninho na área e Vinícius Furlan assinalou a penalidade. Daniel Barcelos bateu firme no canto direito, Alisson tocou na bola, mas não evitou o gol.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Eliminatórias: com brilho de Neymar e Raphinha, Brasil goleia Uruguai

Publicados

em

Por

Com uma boa atuação de Neymar e Raphinha, o Brasil retomou o caminho das vitórias nas Eliminatórias para a Copa de 2022 (Catar) ao golear o Uruguai por 4 a 1, na noite desta quinta-feira (14) na Arena da Amazônia, em Manaus.

Não apenas o resultado foi importante, mas a forma como ele foi alcançado vale ser destacado. A equipe comandada pelo técnico Tite foi muito superior, sendo empurrada por 12.528 mil torcedores que acompanharam o confronto ao vivo.

Após a vitória, a seleção brasileira permanece na liderança das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa com 31 pontos.

Neymar e Raphinha decisivos

O camisa 10 da seleção brasileira mostrou desde os primeiros minutos que queria jogo. E, logo aos 2, criou sua primeira chance com um chute forte, que parou em defesa de Muslera.

Porém, aos 9 minutos o goleiro uruguaio não conseguiu fazer nada, quando Fred lançou Neymar, que, dentro da área, dominou no peito e se livrou de Muslera para finalizar com liberdade. Com este gol o camisa 10 se tornou o vice-artilheiro da competição com 7 gols (1 a menos que o boliviano Marcelo Moreno).

Leia Também:  Coritiba vence clássico contra Paraná Clube com gol de Robson

E o Brasil queria mais, e conseguiu aos 17 minutos, quando Neymar chutou, Muslera defendeu parcialmente e Raphinha aproveitou para ampliar.

A equipe comandada por Tite ainda tentou chegar ao terceiro no restante da etapa inicial, mas ele só veio aos 12 minutos do segundo tempo. E o gol foi fruto da parceria entre Neymar e Raphinha. Em jogada de velocidade, o camisa 10 enfiou em profundidade para o camisa 19, que avançou e bateu cruzado de esquerda.

Aos 31 minutos o Uruguai ainda conseguiu descontar com um belo gol, em cobrança de falta, do artilheiro Luis Suárez. Mas a noite era mesmo da seleção brasileira, que ampliou aos 37 minutos graças a gol de cabeça de Gabriel Barbosa, que aproveitou lindo lançamento de Neymar para fechar o placar.

Próximos compromissos

O Brasil volta a jogar pelas Eliminatórias para a Copa em Novembro, quando enfrenta a Colômbia e a Argentina.

Por Agência Brasil – Rio de Janeiro

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

QUARTO CENTENÁRIO

PARANÁ

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA