ESPORTES

Athletico vence o Juventude e segue 100% no Brasileirão

Publicados

em

Com gols de Jadson e Nikão, o Athletico derrotou com o Juventude por 3 a 0 pela segunda rodada do Brasileirão. O duelo foi realizado no estádio Alfredo Jaconi, que voltou a sediar um duelo da Série A após 14 anos do time gaúcho fora da elite do futebol brasileiro.

O técnico António Oliveira escalou o Furacão com apenas dois titulares: o goleiro Santos e o zagueiro Thiago Heleno. Depois de um primeiro tempo fraco das duas equipes, Jadson definiu o triunfo rubro-negro em menos de cinco minutos.

Logo no primeiro minuto da etapa final, Canesin acionou Marcinho. O lateral-direito cruzou para a área e Jadson testou firme para acertar o ângulo. Três minutos depois, o Athletico chegou pelo mesmo lado. Matheus Babi tocou rasteiro para o meio da área, Carlos Eduardo deu um corta-luz e o meia bateu firme, no alto, para ampliar.

Após a entrada de alguns titulares, o terceiro gol saiu aos 39 minutos. Terans cruzou rasteiro, Kayser furou e a bola ficou limpa para Nikão definir o marcador.

Quem chamou a atenção foi o diretor Paulo Autuori. Acompanhante do técnico português no banco de reservas, ele ficou revoltado com a arbitragem e acabou expulso.

Leia Também:  Paranaense: FC Cascavel goleia Rio Branco, vai à semi e faz história

Com o resultado, o Furacão chega aos seis pontos e aparece na vice-liderança do Brasileirão. A equipe perde para o líder Fortaleza apenas no saldo de gols. Os gaúchos, com um ponto, estão na 14ª posição.

Na próxima rodada, o Athletico enfrenta o Grêmio em Porto Alegre. O jogo está marcado para o próximo domingo (13), às 16h. No sábado (12), às 19h, o Juventude visita o Santos na Vila Belmiro.

Contudo, o Rubro-Negro volta a campo contra o Avaí na quarta-feira (9), às 19h, pelo duelo de volta da terceira fase da Copa do Brasil. Na ida, as equipes empataram por 1 a 1.

JUVENTUDE 0 x 3 ATHLETICO

Segunda rodada do Brasileirão

Data, hora e local: domingo (6/6/2021), às 18h15, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias.

Gols: Jadson, nos minutos 1 e 4 do segundo tempo, e Nikão, aos 39.

Cartões amarelos: Alvarado e Matheus Babi (Athletico).

Juventude: Marcelo Carné; Michel Macedo, Vitor Mendes, Rafael Foster (Cleberson) e Alyson; João Paulo (Matheus Jesus), Guilherme Castilho e Wescley; Capixaba (Marcos Vinicios), Chico e Matheus Peixoto (Fernando Pacheco). Técnico: Marquinhos Santos.

Athletico: Santos, Marcinho, Zé Ivaldo, Thiago Heleno e Nicolas; Alvarado (Richard), Fernando Canesin (Nikão), Léo Cittadini e Jadson (Terans); Carlos Eduardo (Vitinho) e Matheus Babi (Renato Kayser). Técnico: António Oliveira.
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Athletico emenda duas vitórias e ganha confiança para a Sul-Americana

Publicados

em

Por

Athletico conquistou a segunda vitória consecutiva na semana ao derrotar o Juventude por 2 a 1, pelo Brasileirão. O Rubro-Negro já havia vencido o Santos, na última terça-feira (14), pelas quartas de final da Copa do Brasil.

A última vez que o Athletico ganhou dois jogos seguidos foi no final de julho, quando ganhou do Internacional, no Brasileirão, e Atlético-GO, na Copa do Brasil.

Porém, a maré do Athletico virou com a classificação à semifinal da Copa do Brasil contra o Santos e a vitória sobre o Juventude. E a sequência positiva aconteceu dias antes da semifinal da Sul-Americana contra o Peñarol, do Uruguai.

Para o auxiliar Bruno Lazaroni, as duas vitórias aumentam novamente a confiança do Furacão. “A semana foi muito proveitosa e muito feliz. Conseguimos a classificação para uma semifinal importante e hoje conseguimos um resultado positivo após um grande período. Valoriza todo o grupo de trabalho e nos dá ainda mais força para encarar mais uma decisão”, comentou.

“É natural da nossa parte pela sequência negativa principalmente no Campeonato Brasileiro ter uma perda de confiança. As vitórias no meio de semana e hoje melhoraram nessa parte para a decisão que vamos ter pela frente. Temos que gerir o elenco e os jogadores mais desgastados para ter todos os jogadores 100% em todas as partidas e ter uma intensidade forte e suportar a maratona”, acrescentou o assistente do Athletico.

O Rubro-Negro volta a campo na próxima quinta-feira (23), às 21h30, para enfrentar o Peñarol, no jogo de ida da semifinal da Sul-Americana.

Leia Também:  Com gol no fim, Athletico bate o América-MG na estreia do Brasileirão

AGENDA DO ATHLETICO

  • Peñarol: 23/09 (quinta-feira), às 19h15, no estádio Campeón del Siglo
  • Grêmio: 26/09 (domingo), às 18h15, na Arena da Baixada
  • Peñarol: 30/09 (quinta-feira), às 21h30, na Arena da Baixada
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

QUARTO CENTENÁRIO

PARANÁ

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA