ESPORTES

São Paulo vence Flamengo e se classifica para semifinal da Copa do Brasil

Publicados

em

O São Paulo contou com gols de Luciano e Pablo para vencer o Flamengo por 3 a 0, na noite desta quarta-feira (18) e se classificar para a semifinal da Copa do Brasil.

O duelo foi realizado no Morumbi, em São Paulo, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

Na semifinal, o São Paulo irá enfrentar o Grêmio para tentar voltar a final da Copa do Brasil após 20 anos. No outro lado, Palmeiras espera o vencedor de América Mineiro e Internacional para decidir o outro finalista.

A classificação para as semifinais garantiu R$ 7 milhões aos cofres do São Paulo, sendo que ambas as equipes embolsaram R$ 3,3 milhões por terem avançado de fase nas oitavas de final.

As duas equipes entram em campo neste fim de semana pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. No sábado (21), o Flamengo recebe o Coritiba no Maracanã, às 19h, enquanto no domingo (22), o São Paulo recebe o Vasco no Morumbi, às 16h.

LUCIANO BRILHA E VITINHO PERDE PÊNALTI EM TRIUNFO DO SÃO PAULO

O primeiro tempo não apresentou grande futebol no Morumbi, com as duas equipes errando muitos passes e não conseguindo criar boas oportunidades de gol.

A primeira finalização de perigo saiu apenas aos 14 minutos. Gerson arriscou da intermediária e Tiago Volpi fez a defesa em dois tempos.

Leia Também:  Zagueiro na mira do Barcelona notifica São Paulo e pede rescisão de contrato

O São Paulo teve um gol anulado aos 21 minutos. Reinaldo foi lançado e cruzou rasteiro para Luciano empurrar para o fundo das redes. Mas a arbitragem em campo e o VAR assinalaram impedimento do lateral.

Nova chance do Flamengo aos 41 minutos. Arrascaeta encontra Vitinho, que fez o pivô para a batida de Renê perto do poste esquerdo de Volpi.

Mas logo no primeiro minuto do segundo tempo, o São Paulo conseguiu abrir o placar. Daniel Alves fez belo lançamento pelo meio da zaga e Luciano tocou na saída de Diego Alves.

A arbitragem em campo assinalou impedimento na jogada, mas o VAR verificou que o posicionamento de Luciano era legal no lançamento de Diego Alves.

Luciano brilhou novamente e ampliou o placar aos dez minutos. Reinaldo cruzou da esquerda e o centroavante cabeceou firme no canto direito para balançar as redes.

O Flamengo foi então para o ‘abafa’ e ficou perto do gol aos 12 minutos. Matheuzinho foi lançado por Vitinho na área, mas errou o passe para Bruno Henrique e perdeu grande chance.

Leia Também:  Flamengo vence Nova Iguaçu na abertura do Campeonato Carioca

Nova chance do Flamengo aos 15 minutos. Gerson tentou o chute cruzado, a bola desviou em Juanfran e acertou a rede pelo lado de fora.

Wilton Pereira Sampaio assinalou penalidade, após revisão no VAR, aos 17 minutos. Após cruzamento da esquerda, Willian Arão cabeceou e a bola bateu no braço aberto de Brenner.

Vitinho pediu a bola, mas isolou a cobrança e perdeu a chance de diminuir o placar.

Bruno Henrique também ficou perto de descontar o marcador aos 30 minutos. Matheuzinho cruzou da direita e o atacante cabeceou firme, mas à direita da meta.

Ainda deu tempo do São Paulo ampliar o placar. Aos 39 minutos, Willian Arão errou passe no campo de defesa, Pablo recuperou a bola, limpou a marcação e bateu por baixo de Diego Alves.

Tchê Tchê quase transformou o placar em goleada aos 43 minutos. Léo Pelé cruzou da esquerda e o volante apareceu livre no segundo poste, mas chutou em cima de Diego Alves.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Lewis Hamilton vence GP da Espanha e iguala recorde de Senna

Publicados

em

Por

Lewis Hamilton, 36, venceu neste domingo (9) o GP da Espanha, quarta etapa da temporada 2021 do Mundial de F1. Foi o quinto ano consecutivo de vitória na corrida da Catalunha, que faz com que o piloto inglês repita um feito do brasileiro Ayrton Senna, vencedor em Mônaco cinco vezes seguidas (de 1989 a 1993).

Hamilton também acumula seis poles na pista espanhola (2014, 2016, 2017, 2018, 2020 e 2021). Neste sábado (8), ele foi o mais rápido no circuito da Catalunha, onde registrou a centésima pole position de sua carreira.​

​O piloto da Mercedes é também o que mais vezes largou na principal fila do grid, que soma a primeira e a segunda posição. Foram 162 vezes entre os dois primeiros.

Como foi a vitória de Lewis Hamilton

Na Espanha, Hamilton largou em primeiro e logo perdeu a liderança para o jovem holandês Max Verstappen, que a manteve até a 25 volta, quando entrou nos boxes para manutenção do carro. A parada, de 4.2 segundos, colocou o holandês em desvantagem até a 29ª volta, quando retomou a liderança.

Verstappen fazia uma boa corrida, mas a estratégia de parada da Mercedes funcionou melhor do que a da Red Bull, e Hamilton conseguiu diminuir a vantagem do holandês até ultrapassá-lo na volta de número 60.

Leia Também:  Coritiba bate o Vasco, encerra jejum e sai da zona de rebaixamento da Série A

O trajeto espanhol de 4.675 km e 66 voltas fica na cidade catalã de Montmeló, a 30 km de Barcelona e é considerado um bom termômetro de forças das equipes: conta com uma reta longa, curvas de diferentes velocidades e um trecho final tortuoso.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

QUARTO CENTENÁRIO

PARANÁ

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA