ENTRETENIMENTO

Daiana Garbin revela nome escolhido para a 1ª filha com o apresentador Tiago Leifert

Publicados

em

A jornalista Daiana Garbin, 38, usou suas redes sociais, na noite desta terça-feira (7), para revelar o nome que ela e o marido, o apresentador Tiago Leifert, 40, escolheram para a primeira filha do casal. A escolha foi pelo nome Lua, afirmou ela, que está na 24ª semana de gestação.

Leifert já tinha comentado, durante participação no programa É de Casa (Globo), que o casal estava com algumas opções de nome, mas que a decisão final seria de sua esposa. “A decisão final é da mãe, né? Ela que manda”, brincou ele na ocasião.

Casados desde 2012, os dois anunciaram a primeira gravidez em abril, também pelas redes sociais. Segundo Garbin, o bebê foi planejado e os dois abriram o teste juntos. Leifert também afirmou que o casal decidiu esperar um pouco para tornar a notícia pública, até ter certeza que estava tudo bem.

“Em fevereiro que eu tive a notícia. A gente resolveu segurar a notícia para saber que estava tudo bem. A Dai tem 38 anos e eu tenho 40, então a estatística não está do nosso lado e a biologia também não, então a gente esperou para contar para todo mundo”, afirmou Leifert, que completou 40 anos em maio.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Filha de Michael Jackson mostra vídeo inédito do pai em trailer de série
Propaganda

ENTRETENIMENTO

Luan Santana promove campanha e grava clipe para ajudar o Pantanal

Publicados

em

Por

Luan Santana, 29, decidiu engrossar o coro de artistas pedindo ajuda e atenção para o Pantanal. Ele anunciou, neste fim de semana, que vai promover uma live e um leilão beneficentes. O objetivo é que arrecadar fundos para combater os incêndios que tomaram o bioma.

Desde 1º de janeiro até a primeira semana de outubro, as queimadas varreram a fauna e a flora de 3.977.000 hectares da região. Essa é uma área pouco menor à do estado do Rio de Janeiro. O tamanho destruído corresponde a 26,5% do Pantanal, de 15 milhões de hectares.

O cantor é natural de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, um dos estados em que o bioma está presente. Luan Santana reafirmou a importância de preservar a biodiversidade da região. Além disso, lembrou a importância das suas comunidades tradicionais e suas atividades econômicas –a pecuária e o turismo.

Marcado para o dia 22 de novembro, o show será transmitido ao vivo pela internet. Ele será gravado de uma chalana, um tipo de barco, no rio Paraguai. Artistas convidados também devem participar.

” Queria ser chuva, mas estou em chamas”, canta Luan Santana

A live pretende arrecadar ao menos R$ 8 milhões. Os recursos serão encaminhados ao movimento O Pantanal Chama, da instituição SOS Pantanal. Essa ONG tem auxiliado diversas iniciativas que visam a recuperação e a preservação do bioma.

Leia Também:  Primeiro filme da saga ‘X-Men’ completa 20 anos

O público poderá fazer doações durante o show. Além disso, terá a chance de comprar camisetas, bonés e outros itens com estampas da campanha e a assinatura do próprio Luan. Os lucros serão encaminhados para a SOS Pantanal.

Além da live, o sertanejo também vai promover o leilão de um dos figurinos que usou na recente gravação do DVD “Viva”. O valor arrecadado será destinado ao Instituto Arara Azul. O cantor é padrinho do instituto, que estuda e preserva a espécie.

Por fim, Luan Santana deve anunciar em breve o lançamento do clipe de “Deus Salve o Pantanal”, que gravou na semana passada. Toda a renda obtida com a faixa será revertida à preservação do bioma.

“Queria ser chuva, mas estou em chamas, não tem flor em meu quintal, Deus Salve o Pantanal”, canta Luan Santana na música.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

QUARTO CENTENÁRIO

PARANÁ

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA