ENTRETENIMENTO

Mia Khalifa critica pornografia; petição tem quase 1,5 mi de assinaturas

Publicados

em

Mia Khalifa postou um vídeo criticando a indústria pornô e dizendo que a petição a partir da qual pretende recuperar o controle sobre a divulgação seus vídeos pornográficos antigos está perto de atingir 1,5 milhão de assinaturas.
No vídeo, Mia aparece tentando tomar um líquido não identificado, mas engasgando e sentindo ânsia de vômito. O vídeo é uma metáfora; No copo segurado pela ativista, aparecem práticas que ela denuncia na indústria pornográfica: “culpabilização da vítima”, “retórica de direita”, “contratos abusivos”.


Quando a câmera se volta de Mia para a lata do líquido que ela estava tentando tomar, vemos a inscrição: “Uma indústria que vale US$ 15 bilhões, mas não se importa em proteger as mulheres em cima das quais lucra”.
Na legenda da postagem, a ex-atriz fez mais um agradecimento aos signatários de sua petição: “Estou trabalhando nas notas de agradecimento feitas à mão para todos vocês neste momento”, prometeu.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Gaúcha é a vencedora do Miss Brasil e irá ao Miss Universo
Propaganda

ENTRETENIMENTO

Luan Santana promove campanha e grava clipe para ajudar o Pantanal

Publicados

em

Por

Luan Santana, 29, decidiu engrossar o coro de artistas pedindo ajuda e atenção para o Pantanal. Ele anunciou, neste fim de semana, que vai promover uma live e um leilão beneficentes. O objetivo é que arrecadar fundos para combater os incêndios que tomaram o bioma.

Desde 1º de janeiro até a primeira semana de outubro, as queimadas varreram a fauna e a flora de 3.977.000 hectares da região. Essa é uma área pouco menor à do estado do Rio de Janeiro. O tamanho destruído corresponde a 26,5% do Pantanal, de 15 milhões de hectares.

O cantor é natural de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, um dos estados em que o bioma está presente. Luan Santana reafirmou a importância de preservar a biodiversidade da região. Além disso, lembrou a importância das suas comunidades tradicionais e suas atividades econômicas –a pecuária e o turismo.

Marcado para o dia 22 de novembro, o show será transmitido ao vivo pela internet. Ele será gravado de uma chalana, um tipo de barco, no rio Paraguai. Artistas convidados também devem participar.

” Queria ser chuva, mas estou em chamas”, canta Luan Santana

A live pretende arrecadar ao menos R$ 8 milhões. Os recursos serão encaminhados ao movimento O Pantanal Chama, da instituição SOS Pantanal. Essa ONG tem auxiliado diversas iniciativas que visam a recuperação e a preservação do bioma.

Leia Também:  Palmeiras e Flamengo empatam em jogo ‘quase adiado’ pelo Brasileiro

O público poderá fazer doações durante o show. Além disso, terá a chance de comprar camisetas, bonés e outros itens com estampas da campanha e a assinatura do próprio Luan. Os lucros serão encaminhados para a SOS Pantanal.

Além da live, o sertanejo também vai promover o leilão de um dos figurinos que usou na recente gravação do DVD “Viva”. O valor arrecadado será destinado ao Instituto Arara Azul. O cantor é padrinho do instituto, que estuda e preserva a espécie.

Por fim, Luan Santana deve anunciar em breve o lançamento do clipe de “Deus Salve o Pantanal”, que gravou na semana passada. Toda a renda obtida com a faixa será revertida à preservação do bioma.

“Queria ser chuva, mas estou em chamas, não tem flor em meu quintal, Deus Salve o Pantanal”, canta Luan Santana na música.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

QUARTO CENTENÁRIO

PARANÁ

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA