ESPORTES

Flamengo toma virada do Fluminense e perde chance de encostar no São Paulo

Publicados

em

O Fluminense venceu o Flamengo de virada por 2 a 1 na noite desta quarta-feira (6) e atrapalhou o rival na luta pelo título do Campeonato Brasileiro.

Arrascaeta abriu o placar para o Flamengo e Luccas Claro e Yago Felipe viraram o placar para o Fluminense.

Com a derrota, o Flamengo não conseguiu diminuir a desvantagem de sete pontos para o São Paulo. Só que a equipe carioca ainda tem um jogo atrasado a cumprir, além de um confronto direto entre os times na última rodada do Campeonato Brasileiro.

Para o Fluminense, a equipe conseguiu vencer a primeira partida desde a saída de Odair Hellman, chegou aos 43 pontos e ficou apenas um ponto da zona de classificação para a Copa Libertadores.

O Flamengo volta a campo neste domingo (10), quando recebe o Ceará no Maracanã, às 16h. Já o Fluminense atua apenas na próxima quarta-feira (13), duelando contra o Corinthians na Neo Química Arena, às 20h.

GRANDE JOGO NO MARACANÃ TERMINA COM VIRADA DO FLUMINENSE

O Flamengo ficou perto de abrir o placar logo no primeiro minuto. Filipe Luís cruzou da esquerda, Everton Ribeiro fez o corta-luz e Gabriel isolou finalização na pequena área.

Marcos Felipe salvou o Fluminense aos três minutos. Arrascaeta bateu escanteio da esquerda e Rodrigo Caio testou firme no canto direito para o goleiro espalmar.

A primeira chance do Fluminense saiu aos oito minutos. Fred fez bem a jogada de pivô e serviu Yago Felipe na área, mas a batida do atacante passou acima da meta.

Leia Também:  Na história: Edina Alves é a primeira mulher a apitar um Derby

Nova chance criada pelo Flamengo aos 18 minutos. Filipe Luís encontrou Arrascaeta na entrada da área e o meia bateu firme, mas Marcos Felipe fez a defesa no centro do gol.

Bruno Henrique perdeu chance incrível aos 27 minutos. Gabriel recebeu de Isla e cruzou no segundo poste para o atacante tocar de cavadinha, a bola encobriu Marcos Felipe, mas passou rente ao travessão.

Marcos Felipe apareceu novamente aos 33 minutos. Willian Arão encontrou Arrascaeta na área e o uruguaio bateu firme para o goleiro defender junto ao poste direito.

Mas aos 39 minutos o Flamengo conseguiu abrir o placar. Everton Ribeiro cruzou da direita, a bola resvalou em Matheus Ferraz e sobrou para Arracaeta cabecear para o fundo das redes.

O Fluminense ficou perto de empatar aos 50 minutos. Após cobrança de escanteio pela esquerda, a zaga do Flamengo afastou de forma parcial e Yuri Lima emendou de voleio o rebote, com a bola passando rente ao poste direito.

Arrascaeta quase ampliou o placar aos quatro minutos do segundo tempo. O meia recebeu de Isla e bateu colocado mirando o canto direito, mas a bola passou ao lado do poste.

A resposta do Fluminense veio aos seis minutos. Wellington Silva tabelou com Michel Araújo e bateu cruzado rente ao poste direito de Hugo Souza.

Leia Também:  Flamengo vence Fluminense e pode até empatar para ser campeão do Carioca

Nova chance do Flamengo aos oito minutos. Everton Ribeiro bateu escanteio da direita e Natan testou firme, só que acima da meta de Marcos Felipe.

O empate do Fluminense veio aos nove minutos. Danilo Barcelos bateu falta lateral, a bola passou por quase toda área e Luccas Claro cabeceou firme para as redes. O gol chegou a ser anulado em campo, mas o VAR confirmou a posição legal do zagueiro.

Arrascaeta quase marcou um golaço aos 13 minutos. Em cobrança de falta lateral, o meia tentou bater direito e carimbou o travessão.

O Fluminense respondeu aos 16 minutos. Michel Araújo recebeu na direita, limpou a marcação e bateu colocado no poste direito de Hugo Souza.

Mais uma chance do Fluminense aos 22 minutos. Felippe Cardoso foi lançado na área, fintou Hugo Souza, mas perdeu o tempo da finalização e errou o passe para o meio da área.

O Flamengo respondeu com Bruno Henrique aos 30 minutos. O atacante arriscou chute da intermediária e a bola passou raspando o poste esquerdo.

Arrascaeta ficou perto novamente de marcar o gol da virada do Flamengo. O meia aproveitou rebote de escanteio na área e bateu sem ângulo por cobertura, mas Marcos Felipe conseguiu afastar a bola para escanteio.

Só que aos 47 minutos, Filipe Luís errou na saída de bola e Yago Felipe se antecipou a Hugo Moura para bater firme para as redes e virar o jogo no Maracanã.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Eliminatórias: com brilho de Neymar e Raphinha, Brasil goleia Uruguai

Publicados

em

Por

Com uma boa atuação de Neymar e Raphinha, o Brasil retomou o caminho das vitórias nas Eliminatórias para a Copa de 2022 (Catar) ao golear o Uruguai por 4 a 1, na noite desta quinta-feira (14) na Arena da Amazônia, em Manaus.

Não apenas o resultado foi importante, mas a forma como ele foi alcançado vale ser destacado. A equipe comandada pelo técnico Tite foi muito superior, sendo empurrada por 12.528 mil torcedores que acompanharam o confronto ao vivo.

Após a vitória, a seleção brasileira permanece na liderança das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa com 31 pontos.

Neymar e Raphinha decisivos

O camisa 10 da seleção brasileira mostrou desde os primeiros minutos que queria jogo. E, logo aos 2, criou sua primeira chance com um chute forte, que parou em defesa de Muslera.

Porém, aos 9 minutos o goleiro uruguaio não conseguiu fazer nada, quando Fred lançou Neymar, que, dentro da área, dominou no peito e se livrou de Muslera para finalizar com liberdade. Com este gol o camisa 10 se tornou o vice-artilheiro da competição com 7 gols (1 a menos que o boliviano Marcelo Moreno).

Leia Também:  São Paulo é goleado pelo Red Bull Bragantino e encerra série de vitórias

E o Brasil queria mais, e conseguiu aos 17 minutos, quando Neymar chutou, Muslera defendeu parcialmente e Raphinha aproveitou para ampliar.

A equipe comandada por Tite ainda tentou chegar ao terceiro no restante da etapa inicial, mas ele só veio aos 12 minutos do segundo tempo. E o gol foi fruto da parceria entre Neymar e Raphinha. Em jogada de velocidade, o camisa 10 enfiou em profundidade para o camisa 19, que avançou e bateu cruzado de esquerda.

Aos 31 minutos o Uruguai ainda conseguiu descontar com um belo gol, em cobrança de falta, do artilheiro Luis Suárez. Mas a noite era mesmo da seleção brasileira, que ampliou aos 37 minutos graças a gol de cabeça de Gabriel Barbosa, que aproveitou lindo lançamento de Neymar para fechar o placar.

Próximos compromissos

O Brasil volta a jogar pelas Eliminatórias para a Copa em Novembro, quando enfrenta a Colômbia e a Argentina.

Por Agência Brasil – Rio de Janeiro

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

QUARTO CENTENÁRIO

PARANÁ

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA