ESPORTES

Londrina vira sobre o Maringá e triunfa na estreia do Estadual

Publicados

em

O Londrina EC saiu atrás do marcador, mas conseguiu reagir e acabou vencendo o Maringá por 2 a 1 neste domingo (23). O duelo foi realizado no Estádio do Café e contou com público de 1.458 torcedores.

Todos os gols saíram no segundo tempo. Os visitantes abriram o placar aos 11 minutos: Mirandinha cobrou escanteio e Ronald desviou na primeira trave para abrir o placar.

Contudo, a vantagem não durou muito. Já no minuto seguinte, Douglas Coutinho foi derrubado na área e o árbitro assinalou o pênalti. O experiente Eltinho foi para a cobrança e igualou o marcador.

O gol que definiu o placar saiu antes dos 20 minutos. Jhonny Lucas cruzou rasteiro e Douglas Coutinho completou para o fundo das redes, selando a vitória do Tubarão.

O Londrina se prepara agora para receber o São Joseense na próxima quarta-feira (26), às 21h30, no Café. No mesmo dia e horário, o Maringá encara o Athletico no estádio Willie Davids.

Data, horário e local: domingo (23/01/2022), às 16h, no estádio do Café.

Público total: 1.458 torcedores.
Renda: R$ 31.410,00.

Gols: Eltinho aos 14’ do 2º tempo e Douglas Coutinho aos 18’ do 2º tempo (Londrina); Ronald aos 11’ do 2º tempo (Maringá FC).

Cartões amarelos: Jhonny Lucas, Vinícius Eutrópio e Douglas Lima (LEC); Matheus Bianqui e Carlinhos (MFC).

Leia Também:  Flamengo empata em 1 a 1 com o Ceará e dorme no G-4 do Brasileiro

Londrina: Matheus Nogueira; Rafael França, Saimon, Augusto e Eltinho; João Paulo, Jhonny Lucas (Ratinho) e Mossoró (Léo Artur); Marcelinho (Douglas Lima), Caprini (Victor Daniel) e Douglas Coutinho (Juan Matos).
Técnico: Vinícius Eutrópio.

Maringá FC: Dheimison; Marcos Vinícius, Bruno Luiz, Ronald e Carlinhos; João Denoni (Anderson Santos), Parrudo e Matheus Bianqui (Guilherme Castro); Mirandinha (Rian), Robertinho (Saraiva) e Alemão (Sales).
Técnico: Jorge Castilho.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Athletico: veja a matemática para avançar em primeiro na Libertadores

Publicados

em

Por

A vitória por 2 a 0 sobre o Libertad deixou o Athletico próximo da vaga nas oitavas de final da Libertadores. Com sete pontos, o Rubro-Negro saiu da lanterna para a vice-liderança do Grupo B e depende apenas do próprio resultado na última rodada contra o Caracas para garantir pelo menos a segunda vaga da chave.

Em caso de vitória, o Rubro-Negro pode terminar na liderança e ter vantagem no mata-mata. A primeira possibilidade é ganhar do Caracas e torcer por um tropeço do Libertad contra o The Strongest, em jogo que acontece no Paraguai. E outra é tirar a desvantagem no saldo de gols, em caso de vitória dos paraguaios. O time athleticano está com saldo de -3 contra -1 do atual líder da chave.

“Todos os grupos são difíceis. Pegamos um grupo onde tivemos viagens longas, altitude, rivais difíceis. Mas agora temos a oportunidade de jogar em casa e buscar a classificação, que é o principal objetivo do clube”, afirmou o atacante Tomás Cuello, autor do primeiro gol da vitória sobre o Libertad, em entrevista coletiva.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Grêmio vence São Paulo e abre vantagem por vaga na final da Copa do Brasil
Continue lendo

QUARTO CENTENÁRIO

PARANÁ

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA