NOTÍCIAS DO BRASIL

TSE apresenta novo modelo de urna eletrônica para eleições de 2022

Publicados

em

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apresentou hoje (13) o novo modelo de urna eletrônica que será usado nas eleições de 2022. O lançamento foi feito em Manaus, na fábrica da Positivo Tecnologia, empresa responsável pela produção dos equipamentos.

Conforme a licitação feita pelo TSE, serão fabricadas 225 mil urnas do novo modelo. No total, 577 mil serão utilizadas nas eleições. A entrega está prevista para maio do ano que vem. A vida útil do equipamento é de dez anos.

Entre as novas funcionalidades, está a maior duração das baterias, processadores mais rápidos e o terminal do mesário com comandos sensíveis ao toque (tela touch). Segundo o TSE, essa tecnologia permitirá mais rapidez na identificação do eleitor na seção eleitoral. Enquanto um eleitor vota, o terminal poderá identificar os próximos que vão votar, diminuindo o tempo de espera nas filas.

Durante o evento, o presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, reforçou que a urna eletrônica e o sistema de votação são seguros.

“Estamos trabalhando para proteger os sistemas do TSE quase por uma questão de imagem, porque, quanto ao conteúdo, não tem como fraudar as eleições. Nós todos estamos nos aperfeiçoando com os mecanismos de proteção. Isso se tornou um problema relevante nos últimos dois, três anos. Na verdade, ataques cibernéticos do porte que temos visto são fenômenos recentes”, afirmou.

Leia Também:  PCPR amplia serviços da 2ª Via Fácil do RG e cidadão pode atualizar dados pela internet

*Com informações do TSE.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

NOTÍCIAS DO BRASIL

Paraguai passa a exigir imunização e testes para entrar no país

Publicados

em

Por

Quem pretende ir ao Paraguai deve ficar atento quanto às regras sanitárias implantadas no País, a partir desta semana. O país vizinho, nesta quarta-feira (12), passou a exigir para todas as pessoas maiores de idade o comprovante de vacinação completa contra a Covid-19.
“Qualquer pessoa com mais de 18 anos, independentemente do local de origem, deve apresentar um certificado de vacinação atestando que recebeu pelo menos duas doses da vacina COVID-19″, comunicou o Ministério da Saúde do Paraguai.

Ainda conforme o governo paraguaio, só será concedida exceção a quem apresentar documento atestando condição médica que contraindique a imunização por questões de saúde.

No entanto, jovens a partir de 12 anos devem apresentar testes de PCR com resultados negativos, feitos em menos de 48 horas antes de entrar no país, ou com antígeno até 24 horas. Além disso, é preciso preencher um formulário de declaração de saúde até 24 horas antes. O formulário está disponível no site do Ministério da Saúde do Paraguai (mspbs.gov.py).

requisitos só não serão exigidos aos moradores que residem nas cidades de fronteira. “Todas as pessoas que entrarem com o regime de trânsito de bairro devem comprovar que residem na cidade fronteiriça. Não exigindo nenhum requisito de saúde para a admissão”, diz o comunicado.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Receita Federal promove ação contra fraudes a CPFs
Continue lendo

QUARTO CENTENÁRIO

PARANÁ

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA