ESPORTES

Atlético-MG despacha Fortaleza no Castelão e vai à final da Copa do Brasil

Publicados

em

O Atlético-MG garantiu a classificação para a final da Copa do Brasil com vitória por 2 a 1 sobre o Fortaleza nesta quarta-feira (27), desta vez no Castelão – na partida de ida, em casa, o time mineiro já havia vencido por 4 a 0.

A confirmação da vaga se deu sem sustos para o Atlético, que abriu o placar com Diego Costa, aos 13 minutos do segundo tempo, e ampliou aos 38, com Hulk. Já no fim da partida, aos 44, Romarinho deixou o gol de honra do Fortaleza, que terminou as semifinais batido por 6 a 1 no placar agregado.

Campeão do torneio em 2014, o Atlético buscará o bicampeonato nos dias 12 e 15 de dezembro, agora em finais contra o Athletico-PR, que fez 3 a 0 sobre o Flamengo também nesta quarta. Curiosamente, o time paranaense, campeão em 2019, também brigará pela segunda volta olímpica no torneio nacional.

Antes da decisão, o Atlético vira a chave para o Campeonato Brasileiro. No sábado (30), o líder da competição visitará o Flamengo, no Maracanã. Eliminado da Copa do Brasil, o time de Renato Gaúcho tentará derrotar os comandados de Cuca para diminuir a crise e seguir vivo na briga pelo caneco.

FORTALEZA 1X2 ATLÉTICO-MG

FORTALEZA
Marcelo Boeck; Éderson, Titi e Matheus Jussa; Edinho (Osvaldo), Felipe, Ronald (Daniel Guedes), Matheus Vargas (Romarinho) e Bruno Melo; Wellington Paulista (Henríquez) e David (Igor Torres). T.: Vojvoda

Leia Também:  Dominado, Coritiba perde novamente para o Flamengo e está fora da Copa do Brasil

ATLÉTICO-MG
Everson; Guga, Réver, Rabello, Alonso, Arana (Dodô); Jair (Nathan), Alan Franco (Borrero), Tchê Tchê; Vargas (Hulk) e Diego Costa (Sasha). T.: Cuca

Estádio: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Arbitragem: Vinicius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA-SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (FIFA-SP)
Cartões amarelos: Wellington Paulista, Ronald e Igor Torres (FOR); Réver (CAM)
Gols: Diego Costa (CAM), aos 13′, Hulk (CAM), aos 38′, e Romarinho (FOR), aos 44’/2ºT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Athletico: veja a matemática para avançar em primeiro na Libertadores

Publicados

em

Por

A vitória por 2 a 0 sobre o Libertad deixou o Athletico próximo da vaga nas oitavas de final da Libertadores. Com sete pontos, o Rubro-Negro saiu da lanterna para a vice-liderança do Grupo B e depende apenas do próprio resultado na última rodada contra o Caracas para garantir pelo menos a segunda vaga da chave.

Em caso de vitória, o Rubro-Negro pode terminar na liderança e ter vantagem no mata-mata. A primeira possibilidade é ganhar do Caracas e torcer por um tropeço do Libertad contra o The Strongest, em jogo que acontece no Paraguai. E outra é tirar a desvantagem no saldo de gols, em caso de vitória dos paraguaios. O time athleticano está com saldo de -3 contra -1 do atual líder da chave.

“Todos os grupos são difíceis. Pegamos um grupo onde tivemos viagens longas, altitude, rivais difíceis. Mas agora temos a oportunidade de jogar em casa e buscar a classificação, que é o principal objetivo do clube”, afirmou o atacante Tomás Cuello, autor do primeiro gol da vitória sobre o Libertad, em entrevista coletiva.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Athletico perde para o Flamengo no Rio, cai nas oitavas da Copa do Brasil e amplia crise
Continue lendo

QUARTO CENTENÁRIO

PARANÁ

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA